Amazon Beer Cupulate Porter


feliz copy Para celebrar o feriado da Independência, nada como uma cerveja bem brasileira: a Amazon Beer Cupulate Porter é uma cerveja colaborativa desenvolvida em conjunto com as paranaenses Bodebrown e De Bora Bier. Contém o famoso cupulate da Amazônia, uma espécie de chocolate produzido a partir da semente do cupuaçu no lugar do cacau, com características parecidas com o chocolate.

Cerveja de cor marrom escuro, espuma de baixa formação e persistência, aroma e sabor de café com chocolate. Uma porter de primeira. Vale provar. Excelente cerveja.

Ingredientes: Água, malte, lúpulo, levedura e cupulate.

bandeira-do-brasil
Origem: Brasil (Belém-PA)
Estilo: Porter
Teor Alcoólico: 5,9%
Amargor: médio
Temperatura de degustação: 8 a 12ºC

Anúncios

Chouffe Soleil


feliz copy
A Chouffe Soleil é produzida pela cervejaria Brasserie d´Achouffe, que faz parte, desde 2006, do vasto universo do grupo Cervejeiro Duvel Moortgat. É uma Belgian Blond Ale de edição especial, sazonal de verão, não filtrada e produzida com dry-hopping do lúpulo Amarillo e cascas de laranja.

Cerveja de coloração alaranjada turva, espuma de boa formação e persistência, aroma herbal e frutado, sabor cítrico e médio amargor. Mais uma excelente cerveja belga.

Ingredientes: água, malte, lúpulo e leveduras.

belgica
Origem: Bélgica
Estilo: Belgian Blond Ale
Teor Alcoólico: 6%
Amargor: médio
Temperatura sugerida para degustação de 5 a 7°C

img_20160801_135903.jpg

capafacebook

10 cervejas especiais para iniciantes


intelectual copy
Recebi algumas mensagens pedindo sugestões de cervejas para quem esta começando a entrar neste mundo de cervejas especiais ou artesanais. É bem difícil montar essa lista, assim como é difícil dizer qual a minha cerveja ou estilo de cerveja preferido. Mas como falar sobre cerveja é sempre divertido, montei a lista com 10 estilos e marcas de cervejas para iniciantes. Se alguém quiser complementar, fiquem a vontade. O mais importante é provar novas cervejas e se divertir.

  1. Weiss – Pra começar, uma cerveja de trigo, pouco amarga – Erdinger Weissbier, Bierland Weizen
    edi
  2. Dunkel – Pra iniciar na cerveja escura, pouco amarga – Eisenbahn Dunkel
    eise
  3. Pilsen Puro Malte (e sem aditivos) – Parece bobagem mas não é. É nítida a diferença. Mas prove uma puro malte sem aditivos – Heineken, Devassa Puro Malte, Baden Baden Cristal
    bad
  4. Dry Stout – Alguns podem até não gostar, mas não deixe de provar. Cerveja escura, espuma cremosa, sem amargor – A única Guinness Dry Stout.
    gui
  5. Belgian (Belgas) – Cerveja com um pouco mais de álcool e médio amargor. Não são baratas, mas valem a pena – Delirium Tremens, Leffe Blonde
    del
  6. Porter – Cerveja escura com aroma de café e chocolate. Não é tão fácil de encontrar – Rogue Mocha Porter, Klein Estivadora, Ashby Porter
    as
  7. Witbier – Cerveja clara de trigo mas que também contém coentro. Muito refrescante – Vedett Extra White, Bierland Witbier
    ved
  8. IPA – Essa é uma das minhas preferidas, mas odiada por muitos. Tem aroma de frutas e forte amargor – Brewdog Punk IPA, Goose Island IPA, Schornstein IPA
    goo
  9. Stout – Cerveja escura, amarga e com mais álcool. Não é pra qualquer um – Wals Petroleum, Amazon Beer Stout Açai
  10. A décima sugestão ? Divirta-se… entre no mercado, bar especializado, empório, boteco da esquina e prove aquela cerveja que “piscar” pra você. Essa é uma das partes divertidas de provar cervejas especiais. Se você gostou do rótulo, manda ver. Claro que algumas você não vai gostar, mas faz parte da brincadeira. Seja feliz e saúde!

cerva_emagrece

capafacebook

Delirium Nocturnum


sorrindo copy
I
rmã da famosa Delirium Tremens, a cerveja Delirium Nocturnum é uma Belgian Dark Strong Ale, produzida a partir de cinco maltes e três tipos de leveduras, triplamente fermentada – sendo que sua última fermentação ocorre na própria garrafa.

Cerveja de cor marrom/avermelhado, de boa formação e densidade, aroma de caramelo, médio amargor com sabor complexo de malte e especiarias. Boa cerveja, mas ainda prefiro a irmã famosa.

belgica
Origem: Bélgica
Estilo: Belgian Dark Strong Ale
Teor Alcoólico: 8,5%
Amargor: médio
Temperatura sugerida para degustação de 6 a 8°C

img_20160528_145217.jpg

Condessa d’Augusta – 2 anos de Balde de Cerveja


feliz copy Para homenagear os 140 anos da Rua Augusta, a mais eclética da cidade de São Paulo, a cervejaria Noturna criou a Condessa d’Augusta, uma cerveja do estilo Saison com 6% de teor alcoólico e com adição de Sálvia, Tomilho e Alecrim. O estilo Saison surge na Bélgica e como o próprio nome diz “sazonal”, era feita para ser consumida no verão justo pelas suas características singulares que as remetem ao “frescor”.

Este teste de cerveja também é mais especial para o nosso blog que comemora 2 anos no ar. Um brinde ao Balde de Cerveja!

Cerveja de coloração alaranjada, levemente turva, espuma de boa formação e persistência, aroma de ervas principalmente alecrim, na boca um sabor especial de alecrim, limão e tomilho, com médio amargor. Uma cerveja tão especial e complexa quanto a rua que leva seu nome. Recomendo. Nota 10.

Ingredientes: Água, malte de cevada, trigo e centeio, lúpulo, levedura, sálvia, tomilho e alecrim.

bandeira-do-brasil
Origem: Brasil (São Paulo-SP)
Estilo: Saison / Farmhouse Ale
Teor Alcoólico: 6%
Amargor: médio
Temperatura de degustação: 5 a 7ºC

img_20160412_151058.jpg

Shipyard Black IPA


feliz copy A Shipyard Black IPA é para despertar o pirata que existe em você. Podemos dizer que é a cerveja do lendário Blackbeard ( Barba Negra) enquanto navegava pelos sete mares.

Cerveja de coloração negra, espuma pequena de boa densidade e duração, aroma de café, chocolate e malte tostado, alto amargor e um sabor presente de café. Excelente cerveja. Recomendo.

Ingredientes: água, malte de cevada, lúpulo e levedura.

Bandeira-dos-Estados-Unidos-2000px
Origem: Estados Unidos
Estilo: Black IPA
Teor Alcoólico: 5,9%
Amargor: alto
Temperatura de degustação: 8 a 12ºC

img_20160310_175638.jpg

Brewdog libera todas as suas receitas de cerveja


brewdogintelectual copy A cervejaria escocesa Brewdog inova mais uma vez e libera a receita de todas as suas cervejas. O documento com 226 páginas é tão bem elaborado que contém ainda a lista de utensílios e equipamentos a serem utilizados e também algumas dicas para fazer a cerveja de modo profissional.

Sou fã dessa cervejaria não apenas pelas cervejas que produz mas também pela sua ações inovadoras. Um brinde a Brewdog!

Neste link você pode baixar o PDF com o documento: Receitas Brewdog