Cervejaria alemã Hofbräuhaus chega a Belo Horizonte.


piscada copy Inaugura hoje, dia 24, em Belo Horizonte/MG, a primeira filial na América Latina da famosa cervejaria Hofbräuhaus na América. A casa terá capacidade para 350 pessoas em um ambiente confortável e aconchegante, seguindo os padrões do modelo internacional. As mesas são todas coletivas, com enormes bancos que fazem com que as pessoas desconhecidas se misturem e bebam juntas.

Para garantir a qualidade da cerveja, as receitas vieram da matriz, assim como os ingredientes e maquinários também importados da Alemanha. A água  passa por um tratamento para chegar ao mesmo perfil mineral da água de Munique. Mensalmente, serão enviadas amostras da cerveja para um laboratório de análise, que por sua vez envia o resultado para a matriz na Alemanha.

A história da cervejaria começa em 1589 quando o Duque da Baviera resolveu fabricar sua própria cerveja para não ter que pagar os altos preços da bebida que era comprada em Einbeck, na Baixa Saxônia. Assim foi fundada a Hofbräuhaus que, em alemão, significa“cervejaria da corte”. Ela ficou restrita entre a nobreza até 1828 quando foi aberta para o público em geral.

url

Franziskaner Weissbier Dunkel


sorrindo copy
As raízes da cervejaria Franziskaner remota de 1363. Foi neste ano que o cervejeiro Seidel Vaterstetter foi mencionado pela primeira vez como o dono da “cervejaria próxima aos Franciscanos” em Munich Residenzstrasse. O nome “Franziskaner” deriva do monastério Franciscano no outro lado da rua.

A cerveja Franziskaner Weissbier Dunkel tem coloração marrom escuro, turva, espuma de média formação e persistência, aroma de trigo e levemente de malte torrado e baixo amargor. Recomendo.

alemanha
Origem: Alemanha
Estilo: Dunkelweizen
Teor Alcoólico: 5,0%
Amargor: baixo
Temperatura sugerida para degustação de 8 a 12°C

Früh Kölsch


sorrindo copy O estilo Kölsch é originário da cidade de Colônia na Alemanha. Por ser uma cerveja fácil de beber e baixo teor alcoólico, é confundida com as cervejas de baixa fermentação. Tradicionalmente partem de um processo de alta fermentação, porém com a maturação a frio (lager). Hoje algumas cervejarias usam leveduras capazes de atuar em ambas as faixas, assim a Kölsch está inserida na categoria das cervejas híbridas.

Teorias a parte, a Früh Kölsch é uma cerveja de coloração amarelo-ouro, baixa formação de espuma, aromas de malte e um amaror entre baixo e médio. Uma boa cerveja mas com preço elevado pelo que oferece. Na minha opinião vale mais a pena a Eisenbahn Kolsh.

alemanha
Origem: Alemanha
Estilo: Kölsch
Teor Alcoólico: 4,8%
Amargor: baixo/médio
Temperatura sugerida para degustação de 5 a 7°C

wpid-20150914_082327.jpg

 

Erdinger Alkoholfrei


sorrindo copy A cerveja ERDINGER Alkoholfrei é uma bebida isotônica refrescante. Ela fornece vitaminas essenciais ao corpo após exercício físico como ácido fólico e vitamina B12, ajuda a reduzir a fadiga e apoia o sistema imunológico. Apesar do baixo teor alcoólico, é uma cerveja fabricada sob a lei de pureza da Baviera.

Cerveja de coloração levemente alaranjada, espuma de baixa densidade e média duração, pouco aroma de trigo, baixo amargor e leve sabor de mel. Uma boa opção para quem não quer consumir álcool, mas nada melhor do que uma Erdinger tradicional.

alemanha
Origem: Alemanha
Estilo: Sem álcool
Teor Alcoólico: 0,4%
Amargor: baixo
Temperatura sugerida para degustação de 0 a 4°C

wpid-20150815_130141.jpg

 

 

 

Erdinger Pikantus


sorrindo copy Feita para os amantes de cerveja forte, a alemã Erdinger Pikantus é marcante, devido ao uso de trigo escuro selecionado, maltes de cevada e um processo mais demorado de amadurecimento. Ela é ideal para ser consumida nos dias mais frios.

Cerveja de coloração marrom escuro, turva, espuma de boa formação e persistência, aroma de trigo e levemente de malte torrado e baixo amargor. Apesar do alto teor alcoólico é uma cerveja fácil de beber.

alemanha
Origem: Alemanha
Estilo: Weizenbock
Teor Alcoólico: 7,3%
Amargor: baixo
Temperatura sugerida para degustação de 4 a 8°C

wpid-20150729_205401.jpg

 

 

 

Barack Obama chega para o G7 e bebe cerveja


piscada copyO presidente norte-americano Barack Obama aterrisou na Alemanha para a reunião do G7 e foi direto para um pub local. Ele participou de um pequeno-almoço tradicional da Baviera acompanhando de um lindo copo de meio-litro de cerveja. O presidente tinha acabado de voar através do Atlântico para se reunir outros líderes do G7 em um resort exclusivo nos Alpes.

Mas antes de começar a reunião e os trabalhos, almoçou salsichas brancas e pretzels com cerveja de trigo. Obama bebeu sua cerveja ao som de Alpenhorns. Mais tarde, ele brincou dizendo que eles devem manter as reuniões do G7 com mais cervejas.

Mas antes que digam que o presidente foi para a reunião alcoolizado, um fazendeiro local disse aos repórteres que Obama tinha de fato bebido uma cerveja de trigo sem álcool.

g7-kruen-obama-bee_3332809b

Um caminhão de bombeiros construído com caixas de cervejas


intelectual copy Bombeiros voluntários da pequena cidade North Rhine-Westphalia, na Alemanha, quebraram o Recorde (bastante curioso) Mundial do Guinness construíndo um caminhão de bombeiros feito com caixas de cerveja.

Os homens trabalharam durante todo o dia de sábado passado, dia 17/01, para montar seu projeto mamute usando guindastes.

“As partes individuais foram feitas rapidamente, mas levou mais tempo do que pensávamos para colocá-los todos juntos com o guindaste”, disse o organizador Florian Spickermann disse ao jornal local.

Por 22:30, toda a estrutura foi concluída, com Spickermann dizendo que os bombeiros estavam “satisfeitos e felizes, mas totalmente desgastado”. Será que comemoraram com cervejas ?

Bike & Bier – Uma pedalada pelas cervejarias da Alemanha


piscada copyA GOBiking!, organizadora de viagens para ciclistas, está programando uma viagem especial para os amantes de cerveja em julho de 2015.  Do dia 25 ao dia 31, serão organizados pedaladas por cidades da Alemanha para conhecer algumas cervejarias como Spezial, Schlenkerla e Kundmüller.

Uma viagem inesquecível com lindas paisagens, divertidas pedaladas, boa comida e claro excelentes cervejas.

Confira mais detalhes no site: www.gobiking.com.br

ROT_BAMBERG_2015

 

Erdinger Weissbier


feliz copyO que posso falar da Erdinger Weissbier ? Simplesmente fantástica. Na minha avaliação simplista é uma cerveja fácil de beber, saborosa, coloração opaca, espuma cremosa e duradoura. Deve ser apreciada no copo específico da Erdinger para obter a espuma ideal. Com isso é melhor consumir seus 500ml com tranquilidade em um dia com temperatura amena.

Mas a Erdinger não é só isso. Ela é uma cerveja não pasteurizada, produzida de acordo com a Lei de Pureza de 1516 – Reinheitsgebot. Não contém aditivos químicos, corantes, conservadores ou cereais não maltados, como o milho e o arroz. Ela tem paladar único. O mais fino malte de trigo e cevada, lúpulo selecionado e água pura e transparente dos poços da própria Erdinger compõem sua exclusiva receita.

Estilo: German Weizen
Teor Alcoólico: 5,3%
Amargor: baixo
Disponível em garrafas de 600ml
Temperatura sugerida para degustação de 5 a 7°C
Preço médio: R$ 12,90
Origem: Alemanha

191602_151496374915234_6579179_o

 

 

 

Jever


Uma pilsener com sabor marcante, com amargor médio, espuma de média duração. A alemã Jever deixa um retrogosto na boca muito parecido com a Heineken. Achei boa, mas ainda gosto mais da Heineken

Estilo: German Pilsner
Teor Alcoólico: 4,9%
Amargor: médio
Disponível em garrafas de 330ml
Temperatura sugerida para degustação de 0 a 4°C
Preço médio: R$ 8,90
Origem: Alemanha

528742_396883967043139_1426251848_n