Procon-SP notifica cervejarias para detalhar ingredientes



Na última segunda-feira, 23 de abril, as grandes cervejarias brasileiras foram notificadas pelo Procon-SP para que especifiquem os ingredientes nos rótulos das cervejas.

Como todos sabem as grandes cervejarias não utilizam apenas malte, lúpulo, levedura e água. Há outros ingredientes são utilizados como milho ou arroz, mas estes não são detalhados e apenas informados como “cereais não malteados”.

Não foi informado a data de quando este mudança deverá ocorrer. As cervejarias notificadas são as que fabricam Antarctica, Bohemia, Brahma, Skol, Stella Artois, Budweiser, Corona, Itaipava, Crystal, Devassa, Schin, Sol, Kaiser, Heineken e Proibida. Lembrando que dessas cervejas a Heinekem é a única que utiliza apenas os 4 ingredientes básicos.

Anúncios

Guinness Blonde



A tradição irlandesa encontrou o espírito americano para produzir a cerveja americana Guinness Blonde. A primeira cerveja de fusão da Guinness Discovery Series, a Guinness Blonde combina as melhores técnicas de fabricação de cerveja européias – inclusive com a famosa variedade de levedura Guinness – com os melhores lúpulos e maltes americanos. Cerveja colaborativa entre Guinness em Dublin e Cervejaria Latrobe, na Pensilvânia.

Cerveja típica american lager, com coloração âmbar, espuma fina de boa duração, aroma lupulado floral cítrico, amargor entre baixo e médio, e muito refrescante. Não é uma cerveja para ser comparada com a famosa Guinness Draught, mas vale a pena provar. Esta em especial foi degustada em quarto de hotel durante o verão na Califórnia.

Bandeira-dos-Estados-Unidos-2000px
Origem: Estados Unidos
Estilo: American Lager
Teor Alcoólico: 5%
Amargor: baixo/médio
Temperatura sugerida para degustação de 0 a 4°C

Samuel Adams Fresh As Helles


feliz copy
Cerveja sazonal (primavera) produzida pela cervejaria The Boston Beer Company, a Samuel Adams Fresh As Helles tem pétalas de flor de laranjeira em sua composição.

Cerveja de coloração dourada, espuma fina de boa duração, aroma cítrico, malte e lúpulos, levemente amarga (18 IBU), refrescante e fácil de beber. Mais uma boa cerveja da Samuel Adams. Esta em especial foi degustada no famoso Hard Rock Café em Hollywood.

Bandeira-dos-Estados-Unidos-2000px
Origem: Estados Unidos
Estilo: Munich Helles
Teor Alcoólico: 5,4%
Amargor: baixo/médio
Temperatura sugerida para degustação de 3 a 7°C

FREIGEIST KÖPENICKIADE – Berliner Weisse



Produzida pela cervejaria Freigeist Bierkultur, a cerveja peculiar FREIGEIST KÖPENICKIADE resgata a velha Berlim Ocidental. Feita com uma forma antiga de trigo, possui uma acidez característica e já foi chamada por Napoleão Bonaparte de “Champagne do Norte”.

Cerveja de coloração amarelo palha, levemente turva, espuma de pouca duração e persistência, aroma de cereais e ervas, álcool de presença bastante suave, média carbonatção e sabor um tanto ácido e azedo demais para o meu paladar.

alemanha
Origem: Alemanha
Estilo: Berliner Weisse
Teor Alcoólico: 3,5%
Amargor: baixo
Temperatura sugerida para degustação de 0 a 4°C

Brooklyn Chocolate Stout


feliz copy
Produzida apenas durante o inverno dos EUA, a Brooklyn Chocolate Stout é uma cerveja mais do que especial. Este estilo de cerveja, Russian Stout Imperial, foi criada no século 18 para atender um pedido da imperatriz Catarina. Ela ordenou que lhe enviassem uma cerveja forte da Inglaterra. Esta cerveja foi preparada com mais lúpulo para sobreviver à viagem marítima, e chegou em perfeito estado. Logo “Russian Stout Imperial” tornou-se o brinde da aristocracia russa.

Esta é mais uma daquelas cervejas que ficam lindas na taça. Cerveja de cor negra, espuma cremosa de boa densidade e persistente, aroma e sabor de café, malte torrado e chocolate, com médio amargor. Mesmo com 10% de álcool desce muito bem.

Recomendo. Nota 10.

Bandeira-dos-Estados-Unidos-2000px
Origem: Estados Unidos
Estilo: Russian Stout Imperial
Teor Alcoólico: 10%
Amargor: médio
Temperatura sugerida para degustação de 8 a 12°C

Madalena Amber Ale


sorrindo copy
A cerveja Madalena Amber Ale é produzida pela Cervejaria Premium Paulista, fundada em Janeiro de 2012. Esta cervejaria tem em seus alicerces o respeito ao tempo e ao processo de fabricação de suas cervejas. O resultado é uma cerveja sem adição de antioxidantes, estabilizantes de espuma, ou qualquer aditivo químico utilizado a fim de encurtar o tempo de produção. Uma verdadeira cerveja artesanal.

Cerveja de coloração alaranjada, um pouco turva, média carbonatação, espuma de média duração e consistência, aroma de malte e caramelo, sabor de caramelo, bem equilibrada com baixo amargor.

bandeira-do-brasil
Origem: Brasil
Estilo: American Amber Ale
Teor Alcoólico: 5%
Temperatura de degustação: 5 a 7ºC